lomadee

sábado, 14 de janeiro de 2017

Governo destinará R$ 121 mil para beneficiamento do babaçu pelo Clube de Mães de Itapecuru-Mirim


“Nós vivemos do extrativismo do babaçu e hoje, as 35 mulheres do Clube de Mães do povoado Olho D’ Água das Guaribas estão realizando um sonho. Depois de tantos anos de luta, o secretário de Agricultura, Adelmo Soares, vem nos dar a notícia de que nosso projeto para beneficiamento e qualificação dos produtos do babaçu foi aprovado”, declarou, emocionada, Maria da Paz, presidente do Clube de Mães. O recurso de aproximadamente R$ 121 mil é decorrente da Chamada Pública nº 12/2016.

Maria da Paz ficou emocionada ao falar sobre a importância da aprovação do projeto do Clube das Mães. Entre lágrimas, ela contou que as mulheres do Clube haviam deixado de fornecer biscoitos para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), por meio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), por não atender às exigências de infraestrutura e equipamentos. Com os R$ 121 mil do Governo do Estado, o Clube de Mães terá uma nova estrutura para produzir os biscoitos de mesocarpo (produto extraído do babaçu) e voltar a comercializar esses produtos por meio do PAA.

“Com esse recurso nós vamos comprar batedeira, forno, mesa e todos os equipamentos necessários, porque nosso objetivo é ampliar os produtos. Vamos fazer bolo, pão, biscoitos, queremos crescer”, afirmou Maria da Paz.

A assinatura do Termo de Fomento do Clube de Mães foi parte de uma agenda institucional realizada, na quarta-feira (11), pela equipe do Sistema SAF (composto pela SAF, Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural – Agerp, Instituto de Colonização e Terras do Maranhão – Iterma), no território Vale do Itapecuru, onde foi anunciado investimento de aproximadamente R$ 4 milhões do Governo do Estado nos municípios de Vargem Grande, Presidente Vargas e Itapecuru Mirim, entre PAA, entrega de equipamentos agrícolas, Programas Primeira e Segunda Água e Programa Bolsa Escola (Mais Bolsa Família).

“O governador Flávio Dino governa para todos, principalmente para quem mais precisa. A minha maior felicidade é quando assino um documento que vai beneficiar uma comunidade rural, que vai proporcionar dignidade e qualidade de vida ao agricultor familiar do nosso estado. Só de saber que com a assinatura deste documento as mulheres do Clube de Mães vão produzir mais, melhor e com estrutura adequada, que vão voltar a comercializar, isso mostra que estamos no caminho certo”, enfatizou o secretário da Agricultura Familiar, Adelmo Soares.

No município de Presidente Vargas, os criadores de ovino caprino receberam 20 forrageiras que irão auxiliar na alimentação dos animais, além de fomento de R$ 2,7 mil para desenvolver a cadeia produtiva no município. Para os agricultores familiares foram entregues 5 toneladas de sementes de arroz e milho e anunciada a construção de 95 cisternas do Programa Segunda Água com capacidade para 25 mil litros para produção e 10 Cisternas da Primeira Água para consumo com capacidade 52 mil litros destinadas as escolas rurais.

Durante a agenda institucional, foi assinada a liberação de recursos para o PAA no valor de R$ 120 mil beneficiando 30 agricultores, o que resultou em um dos momentos mais aplaudidos pela população. Com a assinatura do Termo de Cooperação Técnica entre o município e o Governo do Estado para execução do PAA, os agricultores familiares terão espaço garantido para comercialização da produção.

“Esse programa apresenta garantia ao produtor relacionado à compra de seus produtos e isso é um incentivo a mais para que eles possam continuar produzindo. Por outro lado, nossas escolas e outras instituições recebem produtos de qualidade, por isso, o PAA tem uma importância grande para o município. Queremos agradecer o Governo do Estado pela manutenção do programa. Só quem ganha é o nosso município”, ressaltou o prefeito de Presidente Vargas, Herialdo Pelúcio.

“O governo fez sua parte agora só depende de nós”, declarou entusiasmada dona Iracema Alves, criadora de ovino caprino de Vargem Grande. Além de receber a forrageira, dona Iracema vai receber fomento de R$ 2,7 mil para desenvolver e aumentar sua criação. No município de Vargem Grande, oito criadores foram beneficiados com a entrega de forrageiras.

O presidente da Agerp, Júlio César Mendonça, informou que os técnicos da Agência vão ajudar os criadores a manusear os equipamentos, além de acompanhar as ações e garantir assistência técnica.

A agenda contou com a participação da presidente do Iterma, Margareth Mendes; o secretário Adjunto da SAF, Francisco Sales; os prefeitos dos municípios, vereadores, movimentos sociais e a sociedade civil organizada.




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...