lomadee

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Embaixador do Vietnã visita Porto do Itaqui


Na tarde desta quinta-feira (11), o Porto do Itaqui recebeu a visita do embaixador do Vietnã, Do Ba Khoa, que está em missão diplomática no Maranhão. A comitiva foi recebida pela equipe técnica da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap) e teve reunião com os diretores de Administração e Finanças, Danielle Nunes, e de Planejamento e Desenvolvimento, Jailson Luz.

O embaixador conheceu de perto a infraestrutura do Porto do Itaqui e assistiu a uma apresentação das potencialidades do porto maranhense. “Mostramos algumas vantagens competitivas do Itaqui, entre as quais a profundidade e a posição geográfica, com ligação a uma extensa malha rodoferroviária”, afirmou o diretor Jailson Luz.

“O Porto do Itaqui e o estado do Maranhão têm vantagens que merecem ser exploradas, especialmente a localização muito favorável, encurtando o caminho e reduzindo custos, podendo aumentar a competitividade das mercadorias brasileiras no mercado internacional e encorajar o fomento à exportação de produtos brasileiros, especialmente do Corredor Centro Norte”, disse o embaixador Do Ba Khoa.

O embaixador afirmou, ainda, que o Porto do Itaqui é uma boa porta de entrada para empresas vietnamitas que desejam exportar produtos para o Brasil, e, também, para aquelas que desejam importar produtos brasileiros, como grãos, carne, madeira, algodão, caju, entre outros. “Podemos buscar parcerias aqui no Maranhão para os produtos que o Vietnã precisa, contribuindo para o desenvolvimento das cadeias de produção daqui, além de podermos trabalhar juntos em projetos de parceria em piscicultura e agricultura”.

A comitiva vietnamita veio ao Maranhão a convite da Secretaria Extraordinária de Programas Especiais (Sepe) para cumprir uma agenda que começou com um encontro com o governador Flávio Dino na quarta, 10. Além da visita ao Porto do Itaqui, o embaixador teve reunião com o trade turístico local, visitou polos agrícolas em São Luís, criação de camarão em Bacabeira e as instalações do Salangô, projeto de irrigação de terras agrícolas, em São Mateus.

Nesta sexta, 12, último dia da visita ao estado, o embaixador tem encontro na Universidade Estadual do Maranhão (Uema), onde vai conhecer o Laboratório Laqua, desenvolvido para pesquisa de patologias de camarões e outros crustáceos.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...