lomadee

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Governo entrega mais nove ambulâncias para fortalecer os sistemas municipais de saúde


Continuando a política de apoio aos sistemas municipais de saúde, o governador Flávio Dino realizou a entrega de mais nove ambulâncias para cidades de Anapurus, Araioses, Buriti, São Bento, Centro Novo, Vitorino Freire, Santa Quitéria, Jatobá e Buriticupu. A solenidade, ocorrida na tarde desta quinta-feira (27), no Palácio dos Leões, contou com a participação de prefeitos, vereadores e lideranças políticas de todas as regiões do Maranhão, e marcou o 53º veículo doado pelo Governo do Estado às Prefeituras em 2017.

De acordo com o governador Flávio Dino, o programa de aquisição de ambulâncias para os municípios maranhenses faz parte da política de ajuda às Prefeituras em todas as áreas, “isso se refere ao Escola Digna, Mais Asfalto, Bolsa Escola”. No caso da saúde, segundo ele, existe uma série de ações, como por exemplo, a nossa rede, que está apoiando todas as regiões. “Nós ajudamos os municípios equipando as suas unidades, repassando recursos para algumas unidades quando nos é demandado pelos governos municipais. E temos agora neste ano esse programa atinente às ambulâncias que é uma demanda permanente dos municípios”, disse Flávio Dino, explicando que já foram entregues 53 unidades, das 104 adquiridas e, até o fim do ano, o Governo do Estado vai comprar mais 100 para que esse programa chegue a todos os municípios maranhenses.

O Governo do Estado investiu R$ 160 mil em cada ambulância, adquiridas por meio de emenda parlamentar dos deputados estaduais, que têm capacidade para socorro no atendimento como Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e semi UTI, podendo se transformar em Unidade de Suporte Avançado (USA). São equipadas com duas macas, duas pranchas, um umidificador, cadeira de rodas, cilindro e bala de transporte para oxigênio – em caso de atendimento fora do veículo, respirador, monitor cardíaco, desfibrilador e medicamentos. Possuem, ainda, sistema de monitoramento contínuo, para prestar socorro a pacientes potencialmente graves ou com descompensação no sistema orgânico.

O secretário de Saúde, Carlos Lula, classificou as entregas como históricas e enfatizou que o programa chegará a todas as cidades do Maranhão. Para ele, os veículos ajudam no transporte sanitário, algo que era necessário e indispensável, sobretudo em momento de aguda crise econômica.“Infelizmente a realidade que a gente vivia no interior do estado era de pacientes ainda transportados em carros particulares, de qualquer forma, e a gente com isso ajuda os municípios, ajuda também a cuidar das pessoas que é, sobretudo, dever do Governo do Estado. Cuidar mais e melhor das pessoas”, realçou Lula.

A prefeita de Centro Novo do Maranhão, Diva, disse que receber uma ambulância do Governo do Estado é uma alegria muito grande, já que há oito anos o município não tem um veículo adequado para o transporte de pacientes. “A Ambulância que a gente tinha era pequena e quebrou há muito tempo. Então o povo está sendo transportado em carro pequeno. Lá vai ser recebido em festa”, comemorou a gestora.

Também já receberam ambulâncias os municípios de Colinas, Barreirinhas, Peritoró, Presidente Dutra, Raposa, Alto Parnaíba, Arame, Benedito Leite, Bom Jesus das Selvas, Central do Maranhão, Governador Nunes Freire, Matinha, Fortaleza dos Nogueiras, Santa Luzia do Tide, Senador La Roque, Tasso Fragoso, Tutóia, Penalva, Santa Luzia do Paruá, Paço do Lumiar, Bom Jardim, Buriti Bravo, Coelho Neto, Formosa da Serra Negra, Paraibano, Presidente Vargas, Santa Inês, Turiaçu, Mirinzal, São João Batista, Pio XII, Mirador, Pedreiras e São Benedito do Rio Preto, Viana, Porto Rico, Duque Bacelar, Cândido Mendes, Itapecuru-Mirim e Senador Alexandre Costa.

Participaram da solenidade o vice-governador Carlos Brandão, os prefeitos de Anapurus, Professora Vanderly; Araioses, Dr. Cristino; Buriti, Naldo Batista; São Bento, Luizinho Barros; Vitorino Freire, Luanna; Santa Quitéria, Alberto Rocha; Jatobá, Consuelo e Buriticupu, Zé Gomes, os deputados estaduais Rogério Cafeteira, Francisca Primo, Levi Pontes, Fábio Macedo, Rigo Telles, Othelino Neto e Stenio Rezende. Além dos secretários Marcelo Tavares (Casa Civil), Márcio Jerry (Comunicação e Assuntos Políticos), Neto Evangelista (Desenvolvimento Social), Adelmo Soares (Agricultura Familiar) e Jhonatan Almada (Ciência e Tecnologia).

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Estradas do Maranhão serão asfaltadas com nova tecnologia de impermeabilização


O Governo do Estado inicia neste mês mais uma etapa de investimentos nas estradas do Maranhão. Com base em uma nova tecnologia chamada de microrevestimento, os municípios de Anapurus e Mata-Roma (ambos localizados a aproximadamente 280 quilômetros de São Luís) serão os primeiros a receber o material, que tem por finalidade prevenir e reverter as fissuras que dão origem a buracos e crateras nas vias, deixando o asfalto novo e extremamente seguro para a trafegabilidade. As intervenções serão realizadas sob a coordenação da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra).

O custo do investimento é de R$ 100 mil por quilômetro e garante a vida útil do asfalto por uma média de 5 a 7 anos. O procedimento de microrevestimento começa após a etapa tradicional de tapa buracos, onde primeiramente são realizados preenchimentos dos buracos e somente em seguida é utilizada a nova tecnologia. “Ela funciona em qualquer tipo de pavimento e garante a qualidade de estrada nova. Esse material é novidade no mercado, mas já está sendo usado em outros estados. É muito eficiente, pois além de dar o efeito de uma estrada nova, ele também proporciona segurança para quem precisa transitar nas vias”, explicou o secretário adjunto de Manutenção de Obras Rodoviárias da Sinfra, João de Luna.

Na primeira etapa de investimento do Governo do Estado, a Sinfra aplicará o material no asfalto da região próxima ao entroncamento da BR-135, que interliga Anapurus a Mata-Roma. Para essa área, o investimento será de aproximadamente R$ 500 mil, somente no custo do material de microrevestimento para a recuperação de 5 quilômetros. “Essa nova tecnologia que estamos usando para asfaltar as estradas é mais coerente com o tipo de solo do Maranhão, por isso ele foi direcionado para determinadas estradas”, disse o secretário-adjunto.

A previsão é que a obra neste ponto específico comece ainda neste mês de junho. Em pontos onde o asfalto estava mais crítico, em razão do tráfego pesado, foram feitos remendos profundos e em seguida receberão os revestimentos com uma nova capa asfáltica de proteção. “A restauração prévia é fundamental para que só depois o microrevestimento seja injetado nos espaços fissurados. O fluxo intenso de carros que escoam produtos da região gera uma série de impactos, como ondulações na pista e outras deteriorações, que já foram corrigidas com esse trabalho profundo de restauração”, garantiu João de Luna.

As obras de conservação e manutenção já vinham sendo feitas constantemente em trechos de estradas no Maranhão. No entanto, está é a primeira vez que será utilizada a nova tecnologia para revestimento. Além dos municípios de Anapurus e Mata Roma, o próximo lugar a receber o microrevestimento será Igarapé do Meio (localizado a 162 quilômetros da capital), que será contemplado com 20 quilômetros, com as obras previstas para julho.

Sobre o microrevestimento


O microrevestimento é um produto a base de betume, um mineral em um composto líquido de alta viscosidade, com micro pedras brita, que tem por finalidade impermeabilizar o solo, impedindo a infiltração de água. “O que mais gera prejuízo para o asfalto, além do peso dos veículos, é a água em excesso, o que acaba ocasionando a criação de buracos”, comentou João de Luna, ao explicar a importância da nova tecnologia para a conservação das vias onde será aplicada.

Fonte: Governo do Maranhão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...