lomadee

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Pesquisa de preços do Procon/MA encontra variação de até 230% em itens de carnaval



No carnaval, muita gente sai a procura de diversão, não é mesmo? Pensando na folia de Momo que está chegando, a equipe do Procon/MA preparou uma pesquisa de preços com os principais itens de carnaval em São Luís, Imperatriz, Codó, Colinas, Viana, Chapadinha e Itapecuru. Na capital, a maior variação foi no preço do preservativo, que atingiu uma diferença de até 230%.

Para conferir a lista completa, acesse o site do Procon/MA: www.procon.ma.gov.br

Entre os dias 31 de janeiro e 05 de fevereiro, foram pesquisados mais de 190 itens em 10 estabelecimentos, entre preservativos, bebidas, fantasias e acessórios. Vale lembrar que os órgãos públicos, como postos de saúde, distribuem preservativos, gratuitamente, e que a venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos é proibida. Além disso, bebida e volante não combinam e o folião deve sempre optar por não dirigir após consumir bebidas alcoólicas.

O preservativo de maior variação é o pacote 3 por 1, da marca “Prudence”, cor e sabor chocolate, que custa entre R$ 1,45, na Pague Menos (São Francisco), até R$ 4,79, no Supermercado Mateus. O segundo produto com maior variação de preços foi o Lovetex Menta, também 3 por 1, que atingiu variação de até 221%, custando de R$ 1,99, nas Drogarias Globo (São Francisco), até R$ 6,39 no Supermercado Mateus (Cohama).

Segundo o presidente do Procon/MA, Duarte Júnior, o consumidor deve ficar atento aos preços de produtos cujo valor aumenta nesta época. “Em temporadas festivas, a demanda de produtos específicos faz com o que os preços subam. Por isso, o consumidor consciente fica sempre atento para comprar o melhor produto, pelo preço mais baixo. A pesquisa é uma importante ferramenta para que as festas não se tornem um peso a mais no orçamento”, alertou o presidente.

Participaram da pesquisa, os estabelecimentos: Comercial Júnior, Supermercado Maciel, Supermercado Mateus, Extrafarma, Pague Menos (São Francisco), Drogarias Globo (São Francisco), Drogaria Farmadel (Angelim), Cantinho Doce (Rua de Santana), Sabrina Festas e Lojas Americanas (Rua Grande).

Acessórios e outros

A Caninha Ypioca Ouro, de 960ml, ficou com variação de 143%, com preço que custa de R$ 11,90, no Supermercado Mateus, a R$ 28,99, no Supermercado Maciel. A fantasia de palhaço, da fabricante Fantasia Super, com preço que vai de R$ 59,90, no Sabrina Festas (Rua de Santana), a R$118,90, no Cantinho Doce (Rua de Santana), com variação de 98%.

segunda-feira, 5 de junho de 2017

Em Colinas, Governo inaugura reconstrução de escola, distribui uniformes para alunos e entrega ambulância


Centenas de alunos do Centro de Ensino Dr. Antonio Jorge Dino agora terão espaço mais digno para estudar. A escola passou por reconstrução completa em sua estrutura e foi inaugurada pelo governador Flávio Dino neste sábado (03), com muita festa e sentimento de gratidão de toda a comunidade escolar. Na ocasião, o Governo do Estado distribuiu 3.620 uniformes para os estudantes da rede estadual da cidade, kits de materiais esportivos e ainda entregou uma ambulância que será utilizada para os atendimentos na unidade hospitalar Maternidade de Colinas.

Recebido com apresentação cultural e homenagens dos alunos e professores, o governador Flávio Dino ressaltou que o C.E. Dr. Antonio Jorge Dino é uma das 600 unidades que receberam intervenções no âmbito do programa Escola Digna. “É o maior investimento na educação na história do Maranhão e um dos maiores do Brasil. Esse número significa dizer que a cada dois dias nós entregamos uma escola nova. É a maior mudança que nós podemos deixar para os meninos e meninas no futuro. Só se realiza sonhos com a educação”, enfatizou o governador.

Construída há 40 anos, o C.E Dr. Antonio Jorge Dino passou por uma única reforma na sua estrutura desde então, em 1992. No ano de 2012, a gestão anterior deu início a reparos na estrutura do prédio, mas acabou abandonando a obra e piorando a situação, com interdição de banheiros e inviabilidade da quadra para prática esportiva. Diante deste cenário e do clamor da comunidade escolar, o Governo do Estado investiu R$ 571 mil na reconstrução da unidade, que vai atender 190 alunos da rede municipal no turno da manhã e mais 184 da rede estadual no período vespertino.

Vozes da mudança

A diretora do C.E Dr. Antonio Jorge Dino, Rani Clê Barros, assumiu a unidade em janeiro de 2016 e disse que a escola estava funcionando em situação precária. Ela conta que o piso estava esburacado, o telhado quebrado, ventiladores em péssimas condições, banheiros interditados, “não oferecia nenhum tipo de conforto para os alunos e professores desenvolverem suas atividades”. A situação era tão caótica que ela disse que os estudantes ficavam com vergonha de dizer que estudavam no local.

Em uma passagem do secretário de Educação, Felipe Camarão, na cidade, a gestora mostrou a “triste realidade” da escola e ele logo se dispôs a resolver o problema. “E em poucos meses a resposta chegou. Transformação do ambiente escolar. Hoje temos uma nova estrutura”, comemorou Rani Clê.

A professora Magna Macedo leciona na unidade há 35 anos e, feliz, narrou a luta de muitos anos e pouco investimento na estrutura física da unidade. “Só houve uma pequena reforma em 1992. De lá até aqui, a reforma que apareceu na escola é essa que estamos vendo aqui hoje. A gente se sente emocionada”, sublinhou.

Para André dos Santos Silva, 16 anos, aluno do 2º ano, a “mudança é geral”. Ele disse que os alunos falavam muito mal da quadra, mas que agora “tá legal”. “Quando eu chego na sala dá até um orgulho. Vejo ela climatizada, geladinha, que bom”, celebrou. Já Cíntia Mara, 35 anos do 3º ano, celebrou que com a nova estrutura dá até “mais vontade de estudar, porque a gente chegou a passar mal do calor que era insuportável”.

Frank Ribeiro, 16 anos, do 3º ano, confessou que quando a escola estava acabada os alunos chegavam a sofrer até bullying dos estudantes de outras escolas. “Cara, tu estuda naquela escola? Só o bagaço, um lixo. Pra que tu vai estudar lá?”, diziam. Mas Frank disse que tinha fé que um dia a reforma ia acontecer. “E agora a gente está vendo que foi realizada esta reforma na nossa escola”, realçou.

Outros investimentos

A passagem do governador Flávio Dino por Colinas marcou, também, a entrega dos 3.620 uniformes escolares para todos os alunos da rede pública estadual de ensino. Cada estudante receberá duas peças do Governo do Estado, fato inédito na história do Maranhão. Além disso, a escola ganhou kits de materiais esportivos que contém bolas de handebol, vôlei, basquete, futebol, redes de vôlei, handebol/futsal, dominó, colete de jogos, mini trave de futebol, arcos, cones, entre outros. “Programa Escola Digna olhando por todo o Maranhão. Além da ação inédita de entrega de uniformes escolares para todos os alunos”, pontuou Felipe Camarão.

Além dos investimentos na educação, Colinas também recebeu uma ambulância nova e moderna que vai auxiliar o trabalho da Maternidade. O veículo tem capacidade para atender como Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e semi UTI, podendo se transformar em Unidade de Suporte Avançado (USA). É equipado com duas macas, duas pranchas, um umidificador, cadeira de rodas, cilindro e bala de transporte para oxigênio – em caso de atendimento fora do veículo.

“Nossa preocupação se estende aos municípios vizinhos. Nós olhamos para todos”, afirmou o governador Flávio Dino ao entregar o veículo para a Maternidade de Colinas que atende toda a região. Além disso, ele garantiu que o Governo do Estado irá inaugurar, em breve, uma unidade do Viva, uma nova Maternidade com 40 leitos, um Ciretran que atenderá todo o Médio Sertão e a praça Henrique Leite, que será o novo cartão-postal de Colinas.

Participaram da solenidade em Colinas o vice-governador Carlos Brandão, o secretário de Comunicação e Assuntos Políticos, Márcio Jerry, a prefeita do município, Valmira Miranda, além de outros 15 prefeitos de municípios maranhenses, vereadores e a comunidade em geral.

Fortuna

A agenda do governador Flávio Dino neste sábado (3) continuou no município de Fortuna, onde o governador fez a inauguração do Centro de Ensino Estado do Rio de Janeiro – Anexo I, localizada no Povoado São José. O prédio, que nunca havia passado por reforma desde sua fundação, foi recuperado nesta gestão, com investimento de mais de R$ 1,3 milhão, recursos próprios do Governo. A unidade conta com seis salas de aula e atende 199 alunos.

Mais 1.696 kits de fardamento e kits esportivos também foram distribuídos na ocasião. Uma ambulância, com as características da entregue em Colinas, também vai reforçar os atendimentos na Saúde de Fortuna. O veículo foi entregue à Prefeitura para definir sua unidade de utilização.

Ainda na agenda de Fortuna, o governador Flávio Dino assinou Ordem de Serviço para implantação de cinco Sistemas Simplificados de Abastecimento de Água na região. O projeto integra o programa ‘Água para Todos’. Os sistemas simplificados incluem, em geral, poço artesiano, reservatório de água com estrutura de concreto, caixa de água, redes de distribuição principal e secundárias, além de ligações domiciliares.

As obras vão desde a recuperação de sistemas produtores com captação subterrânea – perfuração ou recuperação de poços; recuperação de sistemas de captação superficial com captação direta nos leitos dos rios; recuperação de reservatórios que já funcionam e implantação de novos; ampliação da rede de distribuição alcançando vários quilômetros. Ainda no programa, novas ligações domiciliares de água, implantação de medidores e hidrômetros para evitar desperdícios.

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Educação, rodovias e saneamento predominam nas Escutas Territoriais em Pedreiras, Colinas e Balsas


O Governo do Estado deu início, na manhã de quarta-feira (31), a mais uma etapa das Escutas Territoriais e Orçamento Participativo 2018, onde nesse primeiro momento, os maranhenses das cidades de Colinas, Balsas, Pedreiras e adjacências, participaram de debates e discussões diretamente com técnicos do Estado, sobre as demandas que são prioridades em seus territórios. Os trabalhos estão sendo coordenados pelas Secretarias Estaduais de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e de Planejamento e Orçamento (Seplan).

Neste primeiro dia de Escutas, na cidade de Pedreiras, o encontro foi realizado na Câmara Municipal e contou com a presença maciça da população, como professores, estudantes, representantes de instituições do poder público e sociedade civil. Vale destacar também, a participação ativa de vários estudantes do 9° ano da Escola Municipal Zeca Branco, onde os alunos já recebem aulas de educação fiscal, aprendendo, desde pequenos, a importância da boa utilização dos recursos.

De acordo com o secretário Francisco Gonçalves, titular da Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), o Governo do Maranhão está na contramão do que está acontecendo no Brasil, onde atualmente estão fragilizando todas as estruturas democráticas. “Reconhecemos que é importante a participação da população nas decisões orçamentárias para que elas não fiquem somente com os técnicos e servidores das instituições públicas. O OP é o esforço do governo em garantir transparência no uso do orçamento público. A outra questão é o controle social com a garantia de que cada cidadão possa participar do controle das contas públicas além de ter um papel pedagógico quando todos podem ficar conhecendo o principal instrumento de execução das decisões públicas, que é o orçamento. O OP também tem um caráter solidário quando realizado em territórios e as decisões vão beneficiar toda uma região e não apenas um grupo ou município”, destacou.

Cláudio Braga, supervisor de Monitoramento e Avaliação da Seplan, ressaltou que as Escutas são instrumentos democráticos de participação popular direta para melhor utilização e distribuição do recurso público. “O momento é fundamental por conta de ajustes fiscais realizados no início do ano, pois o Maranhão foi avaliado como o segundo melhor estado no ranking, e nesse momento estamos priorizando metas para 2018”, disse o representante da Seplan.

As propostas mais votadas pela população que participou deste primeiro dia das Escutas foram: construção de Centro de Estudos Superiores; investimento em infraestrutura de rodovia; saneamento e apoio a produção agrícola; construção de um centro socioeducativo para crianças e adolescentes; melhoria de infraestrutura física das escolas com laboratórios e acesso a internet; pavimentação e conservação das rodovias estaduais do território e abertura de rodovias nos trechos de Feira Nova para Carolina, Formosa da Serra Negra a São Pedro dos Crentes, Sambaíba a Loreto, Loreto a São Félix de Balsas, firmando convênio com os municípios para abertura e conservação das estradas vicinais; implantação do Centro Administrativo de Apoio à regularização da atividade agropecuária do Cerrado Sul; construir e equipar uma unidade regional de assistência e recuperação de adolescentes infratores.

Francisco Rogério Sousa, participou da Escuta Territorial em Pedreiras, elogiou a iniciativa do Governo em ouvir a população. “É de extrema importância esses encontros proporcionados pelas Escutas Territoriais e essa convocação para a sociedade participar da gestão pública. Sou aqui do Médio Mearim, e fico feliz em ver que o Governo está aberto à discussão democrática e popular, o que é um avanço na política pública”, disse.

As três propostas eleitas serão disponibilizadas na plataforma digital, http://www.participa.ma.gov.br, onde a população poderá votar e escolher a prioridade do seu município, que será incluída no orçamento do Governo para o ano de 2018.

As Escutas Territoriais prosseguem nesta sexta-feira (2), nas cidades de Caxias, Grajaú e Bacabal.


quinta-feira, 25 de maio de 2017

Restaurantes Populares e Cozinhas Comunitárias incentivam agricultura familiar no Maranhão


Todas as segundas-feiras, entre seis e dez famílias de agricultores familiares da Pindoba, em Paço do Lumiar, vão à associação de produtores local para vender sua produção à Cozinha Comunitária do Bequimão. Mantida pelo Governo do Maranhão, a unidade é parte da política de segurança alimentar do estado e há dois meses é também uma das fontes de recursos para os pequenos produtores da comunidade.

“É muito bom. Mesmo já tendo experiência com outros programas, é uma nova porta que se abre, é um incentivo fundamental para quem sobrevive de sua própria produção”, afirma a secretária do Clube de Mães e Associação de Produtores da Pindoba, Maria da Conceição de Almeida Ferreira.

Joedes de Moraes, que em apenas uma entrega levou 30 kg de alface, além de couve e cebolinha, fala orgulhoso da produção: “Trago toda semana e também vendo na feira e forneço para outros programas. O bom daqui é poder entregar e saber que não vai ter nenhuma perda e ainda levar o dinheiro na hora”.

Diferentemente de outras iniciativas de aquisição de alimentos de agricultores familiares, nas compras realizadas pelas Cozinhas Comunitárias e Restaurantes Populares o pagamento é feito no ato da entrega, o que movimenta a economia das localidades e dá garantias a quem produz. “Com esse dinheiro a gente já consegue comprar sementes, passar num comércio e levar o arroz, a carne e também pagar contas”, conta Joedes.

Segurança Alimentar em cadeia

Os alimentos fornecidos pelos agricultores da Pindoba são parte do que é consumido nas 500 refeições diárias servidas pela Cozinha Comunitária do Bequimão. Os beneficiários desta, por sua vez, são pessoas em situação de risco que, referenciadas pelos Centros de Assistência Social de São Luís, têm total gratuidade na alimentação.

Além desses, mais de 18 mil pessoas são beneficiadas diariamente com refeições de qualidade e nutricionalmente equilibradas ao custo de R$ 2,00 em todo o estado com os restaurantes populares.

De acordo com a nutricionista e secretaria adjunta de Segurança Alimentar da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), Wilma Maria Ramalho, a meta é que pelo menos 30% de toda a matéria-prima utilizada nas refeições servidas seja de origem da agricultura familiar.

“Temos um trabalho integrado com secretarias de estado e também com municípios para encontrar essas famílias e associações para que possamos adquirir esses alimentos da agricultura familiar. Isso gera renda para essas famílias e garante a segurança alimentar para elas também”, afirma.

Mais unidades

Os Restaurantes Populares e as Cozinhas Comunitárias são os chamados Equipamentos Públicos de Alimentação e Nutrição e integram a Rede Operacional do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Sisan) e, desde o início do ano passado, têm passado por completas reformas e restruturação.

Além das 14 unidades dos restaurantes que atualmente funcionam em São Luís, Paço do Lumiar, Chapadinha, Zé Doca, Lago da Pedra, Pedreiras, Açailândia, Grajaú e Colinas, ainda este ano pelo menos três novas unidades entrarão em funcionamento, de acordo com a nutricionista Wilma Ramalho. “Estamos com processo de licitação aberto para funcionamento de unidades nos municípios de Godofredo Viana, Tutóia e Santa Luzia, que aumentarão em mais de 2.500 o total de refeições servidas diariamente pelo Governo do Estado”, informa.

quarta-feira, 3 de maio de 2017

Acusado de matar companheira é condenado a 23 anos de prisão em Colinas


O juiz Clênio Lima Corrêa, titular de São Domingos do Maranhão e respondendo por Colinas, presidiu uma sessão do Tribunal do Júri na última quarta-feira, dia 26, em Colinas. O réu foi Juarez Alves dos Santos, que estava sendo acusado da morte de sua companheira, identificada como Ana Joana dos Santos Reis. Juarez Alves foi considerado culpado e recebeu a pena de 23 anos de prisão, a ser cumprida inicialmente em regime fechado.

Consta na denúncia que o crime ocorreu em novembro de 2015, no povoado Serra das Canas, localidade do município de Colinas. O inquérito apurou que Ana Joana foi assassinada com socos e pauladas e que o suposto motivo era o fato de Joana ser alcoólatra, fato que irritava o réu Juarez Alves.

Constatou-se que a mulher já havia sido agredida pelo companheiro algumas vezes, por esse motivo. O motivo foi considerado torpe e praticado por meio cruel, espancamento de pessoa alcoolizada. Além disso, relata o Judiciário, a prática do delito envolveu violência doméstica e familiar.

Juarez Alves confessou que praticou o crime, aplicando socos e golpes de um pedaço de cedro, objeto não encontrado pela perícia. “Trata-se de crime em que o acusado atentou contra a existência de semelhante, desconsiderando o primado da dignidade humana explicitado como fundamento do Estado Democrático de Direito, positivado em artigos da Constituição Federal”, relata a Justiça na sentença. O acusado está preso desde a época do crime.


quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Governador entrega 18 novos ônibus escolares para beneficiar estudantes maranhenses


Milhares de estudantes maranhenses serão beneficiados com a frota de ônibus novos distribuídos pelo Governo do Estado aos municípios. A medida integra a política de investimentos na área da Educação desenvolvida pelo Governo e que contempla, prioritariamente, regiões antes esquecidas por gestões anteriores. Os novos ônibus foram entregues em solenidade, no Palácio Henrique de La Roque, nesta terça-feira (17), pelo governador Flávio Dino com presenças de prefeitos contemplados, secretários de Estado e autoridades políticas. Foram 18 ônibus, totalizando 64 distribuídos pelo Governo às cidades do interior. O governador anunciou ainda mais 20 ônibus escolares para o interior do estado ainda neste semestre.

A melhoria do transporte escolar na zona rural dos municípios é uma prioridade da gestão, pontuou o governador Flávio Dino. “São medidas necessárias, pois o Maranhão é muito grande, são muitos povoados populosos e desassistidos, onde estudantes sofrem há décadas com a falta de transporte escolar adequado. É uma política continuada para que nossos alunos tenham acesso à educação, e, com isso, fortalecemos o apoio aos municípios”, disse Flávio Dino. O governador ressaltou, ainda, a parceria com o Governo Federal, por meio do Fundo Nacional Desenvolvimento da Educação (FNDE), que possibilitou a aquisição dos ônibus. Os demais ônibus anunciados pelo governador na ocasião são fruto de recursos próprios do Estado.

Nesta etapa o governo priorizou municípios de menor índice de desenvolvimento humano, com zona rural extensa, de grandes distâncias entre sede e povoados, e com maiores problemas no setor de transporte escolar. Somente neste mês de janeiro foram entregues 19 ônibus. Além dos 18 veículos doados às prefeituras nesta terça, no último dia 7 o governo entregou um ônibus escolar à prefeitura de Colinas.

Antes disso, em outubro do ano passado, foram entregues 45 ônibus. Um deles em Brejo de Areia e os outros 44 entregues aos municípios durante evento em São Luís. Ao todo, até agora, foram 64 novos ônibus entregues. “Essa política do Governo, de apoio ao transporte escolar, que é de responsabilidade dos municípios, faz parte de um projeto macro pela melhoria da educação. Essa política da garantia da qualidade e segurança na educação dos maranhenses será permanente”, enfatizou o secretário de Estado de Educação (Seduc), Felipe Camarão.

Em alguns municípios, os veículos são os primeiros já recebidos para o transporte escolar. É o caso da cidade de Cajapió, que nunca havia sido beneficiada com ações deste tipo. O prefeito da região, Marconi Pinheiro, ressaltou o significado dessa doação. “Nosso município é muito carente e deficitário na área educacional. Na gestão anterior nunca fomos contemplados e essa entrega do governador Flávio Dino é a continuidade à nova era que se instaurou no município. Esse ônibus será de uma importância imensa e de grande utilidade para nossos alunos”, frisou.

“O veículo atenderá povoados nos quais os alunos precisam de acesso e não tinham. Os que já foram doados a nossa cidade estão sucateados pelo tempo e uso e este veículo novo será de muita utilidade. Nos ajuda bastante”, ressaltou a prefeita de Cururupu, Rosária de Fátima Chaves. O prefeito de São José de Ribamar, Luís Fernando Silva, avaliou a entrega como a efetivação da parceria que o Governo do Estado vem estabelecendo com os municípios. “Simboliza o compromisso e a prática de parceria do Governo com os gestores municipais. É um fator de inclusão social por garantir o acesso de muitas crianças e jovens à escola e esse ônibus caracteriza o esforço de todos nós pelo desenvolvimento do Maranhão tendo como foco a educação”, enumerou.

Estiveram presentes à solenidade o vice-prefeito de São Luís, Júlio Pinheiro; o primeiro vice-presidente da Câmara Federal, Waldir Maranhão; chefe da Casa Civil do Governo, Marcelo Tavares; secretário de Estado de Comunicação e Assuntos Políticos (Secap), Márcio Jerry e demais secretários de Estado; o presidente da Fapema, Alex Oliveira; deputados estaduais e federais; e representantes de instituições.

Apoio à educação


O Governo do Estado prossegue as ações de apoio aos municípios na Educação. Recentemente, o Governo, por meio da Seduc autorizou a liberação dos recursos do FNDE para recebimento direto dos gestores. Na atual modalidade, o Governo Federal repassa aos estados que, por sua vez, repassam aos municípios. O valor do FNDE corresponde a R$ 148 por aluno. Paralelamente, a gestão estadual criou o Programa Estadual de Apoio ao Transporte Escolar (PEATE), no valor de R$ 200 por aluno e que complementa o recurso federal recebido pelas prefeituras.

Somado a estas medidas, o governo Flávio Dino executa um conjunto de programas e ações que fortalecem e tornam possível a educação para milhares de crianças, jovens e adultos. Nesta lista está o programa ‘Escola Digna’, que constrói escolas de alvenaria em lugar das unidades de taipa e palha. Nesta gestão, professores, pais e alunos tiveram garantido o direito de escolher seus gestores escolares por eleição direta, devido medida pioneira do governador Flávio Dino.

Professores tiveram incremento salarial, progressões e promoções que alcançaram mais de 11 mil profissionais. A criação de unidades de educação como a rede Iema – Instituto de Educação do Maranhão e a Uemasul – Universidade Estadual do Maranhão do Sul e uma série de ações parceiras com os municípios integram o pacote pela educação de mais qualidade no Estado.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Governado do Estado apresenta pacote de ações para o Sertão Maranhense


Reconhecendo a importância da região do Sertão Maranhense, o governador em exercício, Carlos Brandão, anunciou, neste sábado (7), em passagem pelo município de Colinas, um pacote de ações e investimentos que beneficiará a população da região em diferentes áreas, como saúde, educação, infraestrutura e saneamento. Durante a agenda em Colinas, o governador em exercício visitou o novo escritório da Agerp e nova agência do Banco do Brasil na cidade, inauguradas no mesmo dia.

Na oportunidade, também foi inaugurado o Restaurante Popular de Colinas, o escritório da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp), foi feita a entrega de carro para assistência técnica a agricultores familiares e entregue um poço no bairro de Alto do Bode, que reforçará o abastecimento de água na região. Foram entregues também um ônibus escolar e uma ambulância, além da assinatura do acordo de Cooperação Técnica para atender 20 municípios da região com assistência técnica, fomento e regularização fundiária e Termo de Adesão ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), para atender oito municípios.

“A prioridade do Governo é o Maranhão todo e hoje eu estou como governador em exercício, essa foi uma oportunidade que o governador Flávio Dino me deu de estar aqui na região de onde eu sou e anunciar vários benefícios municipais e regionais. É um dia de muita emoção saber que estamos atendendo o anseio não apenas de moradores deste município, mas de toda essa região”, afirmou Carlos Brandão, durante solenidade na Praça Central de Colinas, ao frisar que os investimentos refletem o olhar cuidadoso do Governo do Estado com a cidade de Colinas e os demais municípios da região.

Segundo o secretário de Estado de Comunicação e Assuntos Políticos, Márcio Jerry, esses investimentos revelam a parceria continua do Estado com os municípios, que seguirá ao longo da gestão, garantindo ainda mais investimentos. “Mais do que ações do Governo, que beneficiam Colinas, são ações que integram a nossa região, que mudará a vida da população e que terá impacto econômico e social em todo o Maranhão. A diretriz do governador Flavio Dino é clara, de gerir de forma cada vez mais articulada com os prefeitos”, explicou Márcio Jerry.

Ao lado do Carlos Brandão, o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, assinou o Acordo de Cooperação Técnica para atender 20 municípios da região com assistência técnica, fomento e regularização fundiária e do Termo de Adesão ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), para atender oito municípios, com investimentos de R$ 913 mil.

Ainda na área de Agricultura Familiar, além da entrega de sementes de arroz e milho, do programa Mais Semente, foi disponibilizado o Termo de Credenciamento para agricultores familiares se inscreverem no programa Quintais Produtivos e receberem kits de irrigação, adubos e sementes. O objetivo é oferecer ao agricultor familiar estrutura para produzir o ano inteiro em área próxima à sua residência. Serão 10 quintais para cada município incluído. “A pedido do governador Flávio Dino e de Carlos Brandão garantimos esse conjunto de investimentos que vai impulsionar a produção da agricultura familiar de Colinas e da região”, destacou o secretário Adelmo Soares.

A cidade ainda ganhou uma ambulância, entregue pelo secretário de Estado de Saúde, Carlos Lula. A população comemorou, já que, quando necessário, os doentes utilizavam somente a ambulância da rede municipal, do Samu.

Restaurante Popular

Gerido pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes), o Restaurante Popular de Colinas é a 14ª unidade em funcionamento, reforçando a política de ampliação da rede de restaurantes populares, alcançando também os municípios do interior do estado. São equipamentos com refeições balanceadas e equilibradas por dia, ao valor de R$ 2, beneficiando 700 pessoas por dia só em Colinas.

“É a expansão da política de segurança alimentar e nutricional, uma determinação do governador Flávio Dino. No próximo levantamento do IBGE, nossa meta é reduzir o número de pessoas que estão em insegurança alimentar e equipamentos como os restaurantes populares têm o papel fundamental nessa missão. Aqui vamos servir refeições de qualidade, feitas e acompanhadas por nutricionistas, cursos de capacitação dentro do restaurante, oficinas de chefes mirins e a compra de produtos da agricultura familiar, para gerar renda do próprio município. Hoje, na inauguração, nós já temos alimentos oriundos da agricultura familiar”, informou o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista.

A dona de casa Keila Torres, 31 anos, levou a pequenas Eliziane, de dois anos, para almoçar no novo restaurante popular e aprovou. “Achei muito bom, porque o valor nutricional é bem rico, ela está tendo aqui todos os nutrientes que ela precisa consumir diariamente e a esse preço nos ajuda bastante”, opinou a mãe.

Pacote de ações

Dentre as medidas previstas para beneficiar as famílias que vivem no Sertão Maranhense estão: a reforma das praças Dias Carneiro e Henrique Leite, localizadas no centro de Colinas e que vão ganhar nova configuração com trabalho paisagístico; reforma das escolas de ensino médio C.E. Maria José Macedo e C.E. João Pessoa, as unidades atendem 1.100 estudantes e receberão novos equipamentos e climatização; e edital para implantação de uma unidade do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema) com 12 salas de aula, auditório, refeitório, biblioteca e quadra poliesportiva coberta. Ainda na educação, Colinas será contemplada com ônibus escolar novo e equipado, além da aquisição de equipamentos e móveis para o Centro de Ensino Médio do Pavio, povoado existente em Colinas.

O Governo do Maranhão também trabalha impulsionando a produção rural familiar da região com a implantação do programa ‘Mais Renda’ contemplando 1.350 beneficiários. Na área da segurança, a delegacia da cidade será reformada e será instalada uma base do Grupo Tático Aéreo em Presidente Dutra para reforçar as ações na região. Na área da infraestrutura será construída a estrada entre Sucupira do Norte e Pastos Bons. A obra vai diminuir o trajeto a São Luís em 13 quilômetros e colaborar para reduzir o número de acidentes e custos com frete.

Haverá a reforma e aquisição de equipamentos para o Hospital Carlos Macieira, que passa a funcionar como maternidade. Foi anunciado, ainda, a instalação da Ciretran em Colinas, que atenderá toda a região, e a realização da primeira Agritec de 2017, no município de Paraibano, no período de 6 a 8 de abril.

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Flávio Dino e Carlos Brandão recebem visita da prefeita eleita de Colinas


O governador Flávio Dino e o vice-governador Carlos Brandão receberam, na manhã desta terça-feira (25), no Palácio dos Leões, a prefeita eleita de Colinas, Valmira Miranda, e o vice-prefeito João Haroldo. Na pauta do encontro, ações em parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura de Colinas para o desenvolvimento do município e melhoria da qualidade de vida dos colinenses. O secretário de Comunicação e Assuntos Políticos, Márcio Jerry, também participou da agenda institucional.

Desde o início do mês, o governador Flávio Dino tem recebido a visita dos prefeitos eleitos no pleito de 2016 para o início da construção de políticas públicas e a garantia de parcerias que visem o crescimento dos municípios maranhenses. “Tenho praticado essa visão segundo a qual todos os prefeitos e prefeitas, ao nos procurarem, ao desejarem efetivamente parcerias, eles são atendidos pelo nosso Governo”, ressaltou o governador.

De acordo com a prefeita eleita de Colinas, a conversa com o governador Flávio Dino e o vice-governador Carlos Brandão foi muito proveitosa, uma vez que as demandas foram ouvidas e os encaminhamentos serão tomados já no começo da gestão municipal. “Viemos trazer reivindicações emergenciais para os primeiros 120 dias de gestão, as necessidades que estamos vivendo e sentindo no município. E eles acataram todas. O apoio do Governo será muito importante para a nossa cidade”, declarou Valmira Miranda.

Ela destacou que a primeira medida, fruto da parceria entre a Prefeitura de Colinas e o Governo do Estado, será a melhoria e crescimento do acesso a saúde do município. “Vamos trabalhar em parceria em todos os sentidos. Contamos com o apoio do Governo e eles também podem contar com a gente”, reiterou a prefeita que foi eleita com 50,19% dos votos dos colinenses.

Ações do Governo em Colinas

Em Colinas, o Governo do Estado já fez uma série de investimentos nos últimos 21 meses, a exemplo do programa Bolsa Escola, que beneficiou mais de sete mil crianças e jovens; das ações voltadas para a agricultura familiar, por meio do Mais Sementes e do Programa de Aquisição de Alimentos; e do Mais Asfalto, que pavimentou oito quilômetros de ruas e avenidas do município.

Na área da educação, escolas foram reformadas e os alunos colinenses participaram do Aulão do Enem. Na segurança pública, novos policiais e viaturas foram enviados para Colinas. A cidade recebeu, ainda, a Caravana Mais Esporte e Lazer, a Carreta da Mulher e ações do Viva, que beneficiaram mais de três mil pessoas.


quarta-feira, 20 de julho de 2016

Comarcas iniciam nesta quarta-feira ações da I Semana Estadual de Valorização da Mulher


Mais de 30 comarcas em todo o Maranhão iniciam nesta quarta-feira (20) diversas ações referentes à I Semana Estadual de Valorização da Mulher. O evento, realizado pelo CEMULHER (Tribunal de Justiça), AMMA, e ESMAM, e contando com o apoio da Procuradoria Geral da Justiça, da ESMP, AMPEM, Defensoria Pública do Estado, e COOMAMP, vai abranger 34 comarcas, com ações nas áreas jurídica, saúde, cultural, beleza, e realização de oficinas e palestras. A I Semana Estadual de Valorização da Mulher está marcada para o período de 20 a 27 de julho.

Estão confirmadas as comarcas de São Luís, Imperatriz, Pedreiras, Itapecuru, Presidente Dutra, Santa Luzia, Pinheiro, Bacabal, Santa Inês, Coelho Neto, Colinas, Zé Doca, Coroatá, Açailândia, Chapadinha, Tutoia, Magalhães de Almeida, Balsas, Passagem Franca, Esperantinopolis, Poção de Pedras, Cedral, Mirinzal, Santa Luzia do Parua, Bequimão, Pastos Bons, Paulo Ramos, Governador Eugenio Barros, Timon, Codo, Lago da Pedra, Igarapé Grande, Arari, Buriti Bravo e Caxias.

Para a juíza Welinne Coelho, titular da 2ª Vara de Chapadinha, a semana é um evento que trará benefícios e, principalmente, informação às mulheres. “Aqui em Chapadinha faremos ações no dia 27, entre as quais uma exposição visual, distribuição de cartilhas e panfletos e uma pesquisa sobre o tema para identificar o perfil dos servidores do fórum que vamos publicar. Na quarta-feira estaremos na abertura do evento, em São Luís”, destacou ela.

Semana da Mulher e Mutirão – Em Arame, a juíza titular da comarca, Selecina Henrique Locatelli, realiza a Semana Estadual de Valorização da Mulher simultaneamente ao II Mutirão de Cidadania, nos dias 20 e 21 de julho. Na pauta, atividades como emissão de RG, CPF, antecedentes criminais da Justiça Federal, Estadual; Emissão de contas de água, energia e telefone, com a parceria do Viva Cidadão. Esses atendimentos serão na Câmara de Vereadores. Também na agenda o “Programa Aprendendo com a Lei Maria da Penha no Cotidiano”, a ser realizado no Salão da Câmara.

Estão programados, ainda, palestra e atendimento sobre violência doméstica a serem ministradas pela equipe multidisciplinar do CREAS. Concluindo a pauta, será oferecida palestra sobre registro civil a ser ministrada pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos e, ainda, mais de 200 audiências de registro de nascimento tardio, realizadas pela juíza. “Essas ações de cidadania dão continuidade às atividades de emissão de documentos da população (registro de nascimento, RG, CPF, carteira de trabalho e outros serviços). Esta programação foi idealizada para responder ao pleito de inclusão de uma grande parcela de aramenses excluídos das políticas públicas. A população participa massivamente das atividades em busca de sua dignidade”.

Na Comarca de Pedreiras a programação acontece nos dias 25, 26 e 27 e apresenta diversas atividades e serviços, entre os quais emissão de documentos (RG, CPF, Certidão de Antecedentes), Carreta da Mulher (serão 60 mamografias por dia), preventivo (50 por dia), teste de HIV, teste de glicemia, medição de pressão arterial, palestras. Também na agenda, tenda da saúde, com prevenção de DST e AIDS, fisioterapia, e nutrição, e tenda da beleza, com maquiadores e cabeleireiros.

Será oferecida, ainda, a assistência jurídica com defensores; advogados (consulta processual e petições diversas), e cartório de pessoas naturais (emissão de segunda via de certidão de nascimento). Na área de profissionalização, oficinas de artesanato com monitor e exposição. Serão apresentadas, também, diversas palestras (CRAS e CREAS apresentação da rede de apoio), acompanhamento familiar (psicólogo e assistente social), apresentação dos projetos sala de espera e núcleo de reflexão (setor psicossocial do fórum), roda de conversa com a delegada, promotora e juíza, palestra Aprendendo com Maria da Penha no Cotidiano (TJMA).

Em Santa Inês, as atividades também começam na quarta-feira (20) com reuniões nos bairros, palestras, cine mulher, lançamento do projeto Maria da Penha (com a desembargadora Angela Salazar), panfletagens, e outras atividades. “A programação ainda está sujeita a alterações, mas o foco é a mulher da comunidade, de todas as comunidades de Santa Inês”, explicou a juíza Kariny Reis, da 3ª Vara de Santa Inês. Ela disse que foi realizado um treinamento com os voluntários que vão ajudar durante a semana.

A SEMANA - A organização da I Semana Estadual de Valorização da Mulher é da Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica (CEMULHER) do Tribunal de Justiça, que tem como presidente a desembargadora Angela Salazar. A Semana acontecerá com mutirão de julgamentos em todo o Maranhão, por meio de atividades como seminário, exposição artística, caminhada e panfletagem nos principais shoppings de São Luís.

Em São Luís, a abertura ocorrerá na quarta-feira (20), às 9h, no hall do Fórum Sarney Costa. A programação inclui um seminário no dia 21 (quinta-feira), às 19h30, com o tema “Gênero e violência contra a mulher: Discutindo a cultura do estupro”, tendo como palestrante a mestra em Direito e Instituições do Sistema de Justiça, Tuanny Soeiro.

O objetivo é chamar a atenção da sociedade para a violência contra a mulher. O evento acontece nas comarcas da região metropolitana de São Luís e do interior do Estado, com a participação da magistratura estadual, e será aberto no dia 20, às 9h, no fórum Des. Sarney Costa, no Jaracaty, com a presença das autoridades judiciárias do Tribunal de Justiça, Corregedoria, Fórum e entidades ligadas aos direitos da Mulher.


sexta-feira, 24 de junho de 2016

Autorizada a construção do IFMA no município de Colinas


Um importante passo foi dado para a implantação do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) em Colinas, a 442 Km de São Luís. Na terça-feira (21), foi assinada a ordem de serviço para a construção do Centro de Referência de Colinas, que vai levar educação profissional e tecnológica à região do alto sertão maranhense. A cerimônia foi realizada no Auditório da Prefeitura e contou com a presença de representantes da sociedade civil, poder público e dirigentes do IFMA.

A obra no valor de R$ 4.209.864,12 (quatro milhões, duzentos e nove mil, oitocentos e sessenta e quatro reais e doze centavos) será edificada pela empresa J. Meneses Construções Ltda. em um terreno de 5 hectares localizado às margens da MA 270, rodovia que liga Colinas ao município de Mirador. O prazo para início da construção é de até 30 dias.

A ordem de serviço foi assinada pelo reitor do IFMA, Roberto Brandão; pelo prefeito de Colinas, Antonio Carlos; pelo diretor de Infraestrutura do IFMA, Celso Azevedo; pelo chefe do Departamento de Obras e Fiscalização, Magno França; pelo chefe do Departamento de Projetos, Nonato Filho; pelo sócio administrador da empresa J. Meneses, João Meneses; e teve como testemunhas diversos moradores e autoridades do município.

Educação que transforma – O reitor, Roberto Brandão, fez uma retrospectiva do processo de implantação do IFMA em Colinas, destacando a audiência pública realizada em 2014 no município, em que a sociedade civil pôde exercer o protagonismo na definição dos eixos tecnológicos que serão oferecidos pela unidade. Ele falou também que o Instituto já atua no município por meio da educação a distância (EAD), ofertando cursos superiores no âmbito do Programa Rede e-Tec Brasil. “O Instituto Federal do Maranhão vai oferecer a Colinas e região formação profissional e tecnológica, oportunizando uma mudança na qualidade de vida do nosso povo através da educação”, ressaltou.

“A instalação do IFMA em Colinas é um sonho de décadas de milhares de famílias da região, que até hoje dispendem muitos esforços, sobretudo financeiros, mandando os filhos estudar fora, a fim de lhes proporcionar uma educação de qualidade. Esse sonho dos colinenses se tornou uma realidade a partir da autorização oficial para o início das obras”, destacou o prefeito Antônio Carlos.

A cerimônia teve a presença também do vice-presidente da Câmara Municipal, Antonio Feitosa; do procurador-geral do município, Bento Lima; da representante da Secretaria Municipal de Educação, Áurea Alice da Silva; de Daniel Passos, empresário que doou o terreno para a construção do IFMA; da assessora do reitor, Rebeca Reis; de diretores-gerais do IFMA: Werbet Ferreira (Açailândia), Dioclides Gonçalves (Carolina), Alberto Gonçalves (Grajaú), Saulo Cardoso (Imperatriz), Júlio César Souza (Porto Franco); e do chefe do Departamento de Administração da Diretoria de Educação a Distância do IFMA, Samuel Barroso.

Após o encerramento da solenidade, houve uma visita ao terreno onde será construída a obra.



Fonte: IFMA

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Júnior Marreca é homenageado por voto no processo de impeachment


A Câmara Municipal de Colinas manifestou apoio, por meio de uma “Moção de Aplausos”, ao voto do deputado federal Júnior Marreca (PEN-MA) no processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff.

A Moção de Aplausos foi aprovada unanimemente em apoio ao voto do parlamentar contra o processo que culminou no afastamento da presidente.

Ao pronunciar seu voto, Marreca destacou que a democracia estava sendo violada.

“Nós aqui não estamos fazendo democracia. Nós estaríamos fazendo democracia se déssemos a oportunidade daqueles que estão nas ruas de irem às urnas, votarem e escolherem o presidente democraticamente. Aí sim estaríamos fazendo democracia. Como disse João Castelo, para não perder a minha dignidade e nem a minha coerência eu voto não ao impeachment.”, disse.

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Pontos de apoio facilitam a inscrição no Enem 2016 para mais de 7 mil jovens maranhenses


Mais de 7 mil jovens fizeram sua inscrição para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2016) graças ao suporte oferecido pelos pontos de apoio instalados em coordenações e secretarias de juventude e outras estruturas municipais e estaduais, como bibliotecas, escolas, entre outros. Os espaços são frutos de uma parceria entre o Governo do Estado, através da Secretaria de Estado Extraordinária da Juventude (Seejuv) com gestores de juventude de 24 municípios do estado.

O objetivo da iniciativa foi aumentar o número de jovens maranhenses participantes do Enem, que é porta de acesso para várias políticas em nível federal (Prouni, Sisu, Ciência Sem Fronteira) e estadual (CNH Jovem, Cidadão do Mundo). A ação reforça ainda o compromisso do Governo do Estado em fortalecer e dar celeridade às políticas públicas de educação, ampliando as oportunidades para a juventude.

De forma especial, os pontos de apoio auxiliaram os jovens que residem em locais mais distantes dos grandes centros urbanos e, por não dispor de recursos tecnológicos, têm mais dificuldades para participar do processo de inscrição. Durante os 10 dias de inscrição para o Enem, 28 pontos de apoio funcionaram em 24 municípios. Com média de 25 inscrições por dia em cada ponto, os espaços somaram um total de mais 7.008 pessoas que procuraram os locais para se inscreverem para o Enem 2016.

Para a secretária Tatiana Pereira, esse número reflete o êxito da parceria entre o Governo do Estado e os gestores de juventude na ação de propiciar mais oportunidades para os jovens maranhenses.

“É preciso ratificar a participação dos gestores de juventude na estruturação dos espaços onde funcionaram os pontos de apoio e a mobilização dos jovens no seu município. Com essa parceria quem ganha é a juventude, que teve as condições de se inscrever para o Enem, que é porta de acesso para várias políticas públicas de educação a nível estadual e federal”, ressaltou.

A estudante Ana Paula dos Santos foi uma das centenas de jovens que procurou a secretaria de Juventude de São Mateus do Maranhão, onde o ponto de apoio funcionou no município. Assim como ela, todos as pessoas que foram até o local, puderam fazer sua inscrição sem nenhum custo e ainda contaram com o auxílio de uma pessoa durante todo o processo de inscrição para o exame. Ana Paula elogiou a iniciativa, que segundo ela, contribui para ampliar as oportunidades dos jovens maranhenses.

“O Enem é hoje uma prova aguardada por milhões de jovens em todo o Brasil, porque é por meio dela que temos a chance de cursar uma universidade e agora, aqui no Maranhão, temos a oportunidade de concorrer a uma vaga no CNH Jovem e no Cidadão do Mundo. Com o esses pontos que facilitam nosso acesso a inscrição para o Enem, nossas oportunidades só aumentam”, comentou a jovem.

O secretário municipal de Juventude de São Mateus do Maranhão ratificou o êxito dos pontos de apoio para o objetivo a que se propunham. “Aqui em São Mateus, o ponto de apoio facilitou a inscrição, principalmente para jovens de baixa renda, que ainda não tem acesso a internet e que para fazer sua inscrição, teriam que recorrer a lan house, por exemplo”, disse.

Os pontos de apoio funcionaram de 9 a 20 de maio nos municípios de Bom Jardim, Colinas, Coroatá, Cururupu, Jenipapo dos Vieiras, Matinha, Mirinzal, Morros, Pedreiras, Pedro do Rosário, Presidente Vargas, Porto Rico, Rosário, Santa Inês, São Benedito do Rio Preto, São Mateus do Maranhão, São João Batista, São João dos Patos, São João do Sóter, Serrano do Maranhão, Timon, Urbano Santos, Vargem Grande, Viana.


sexta-feira, 8 de abril de 2016

Estabelecimento comercial está proibido de promover festas em Colinas


Atendendo à Ação Civil Pública ajuizada pela Promotoria de Justiça da Comarca de Colinas, a Justiça determinou, em caráter liminar, que o estabelecimento Pedim Veículos, de propriedade de Maurinho Tomaz de Abreu, está proibido de realizar festas ou qualquer evento com a utilização de equipamentos de som.

A manifestação foi formulada pelo promotor de justiça Aarão Carlos Lima Castro devido a diversas reclamações relativas à poluição sonora originada do estabelecimento. Proferiu a decisão o juiz Marcelo Elias Matos e Oka.

O estabelecimento está proibido de emitir ruídos, estando liberado somente para o oferecimento de serviços diurnos sem a utilização de instrumentos sonoros.

Pela determinação, o Município de Colinas está intimado a realizar a fiscalização da Pedim Veículos, impedindo a realização de festas e eventos com equipamentos de som.

POLUIÇÃO SONORA

Na ACP, o promotor de justiça Aarão Lima Castro destacou que o estabelecimento é identificado como um dos maiores causadores de poluição sonora do município. Os excessos de ruído são causados por shows de música ao vivo ou eletrônica em alto volume. Outros problemas são as conversações entre os frequentadores e o movimento de veículos na porta do estabelecimento.

Após inúmeras reclamações de moradores, o Ministério Público do Maranhão emitiu, em 7 de outubro de 2015, Recomendação para a adequação das casas noturnas existentes ao código de postura do Município. "No entanto, após a manifestação, a Promotoria continuou a receber reclamações referentes à Pedim Veículos", destacou o promotor.

Em 21 de janeiro de 2016, o MPMA realizou inspeção no local verificando que o mesmo não apresenta condições mínimas de segurança para a realização de eventos festivos. Foi observado que o estabelecimento não possui cobertura, sendo limitado por cercas de arame farpado, o piso é de terra batida e a frente é fechada por barras de compensado. A saída possui somente dois metros de largura e não há banheiros construídos no local, sendo disponibilizados banheiros químicos.

Em contato com o Ministério Público, a Polícia Militar enfatizou que a estrutura é insegura e facilita a entrada de armas.

Em inspeção realizada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo foi atestado que o espaço não atende à Lei Orgânica do Município, não estando apto ao funcionamento. Outro detalhe é que a empresa está inscrita no Cadastro de Inscrição Municipal como serraria.

"Percebe-se de forma cristalina que o Pedim Veículos não possui alvará de funcionamento e não dispõe das mínimas condições para a realização de festas, portanto, jamais poderá funcionar", afirmou o juiz Marcelo Oka, na ação.


domingo, 31 de maio de 2015

Iema prorroga inscrições para cursos de Formação Inicial e Continuada

Foram prorrogadas até às 18h desta segunda-feira (1º) as inscrições para os cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) disponibilizados pelo Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema). A oportunidade é para quem tem mais de 18 anos e já concluiu ou está cursando o Ensino Médio. Os interessados podem optar entre os cursos de Auxiliar Administrativo e Auxiliar de Marketing e Vendas.

As prorrogações incluem os municípios de Açailândia, Balsas, Barra do Corda, Carolina, Colinas, Mata Roma, Pedreiras, Pinheiro e Santa Inês. Nos casos de Caxias, Codó, Imperatriz e São Luís as inscrições já excederam o número de vagas previstas. Ao todo, são 2.880 inscritos para 13 municípios maranhenses.

A proposta do governo Flávio Dino é levar o Iema para municípios desassistidos na área do ensino profissionalizante que apresentem uma grande demanda. Os cursos acontecerão em escolas estaduais, no Centro de Vocação Tecnológica Estaleiro Escola, em São Luís, e nos Centros de Capacitação Técnica (CCT). As aulas semi-presenciais serão ministradas entre 08 de junho e 07 de agosto.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Nova sede da Promotoria de Colinas é inaugurada

Na manhã da última quinta-feira, 30 de abril, foi inaugurada a nova sede da Promotoria de Justiça da Comarca de Colinas. O prédio possui 230 m² de área construída e fica localizado às margens da rodovia MA-132, km 02, no bairro Guanabara.

O evento contou com a participação de autoridades e servidores do Ministério Público do Maranhão, de representantes do Judiciário, do Executivo e do Legislativo de Colinas, das polícias Civil e Militar, da sociedade civil e de moradores. Colinas fica localizada a 442 Km de São Luís.

A solenidade foi aberta com o discurso da procuradora-geral de justiça, Regina Lúcia de Almeida Rocha, que destacou o empenho da atual administração do Ministério Público em aprimorar a estrutura da instituição, oferecendo melhores condições de trabalho para atender a sociedade. "É com renovada satisfação que presencio a entrega da nova sede da Promotoria da Comarca de Colinas, com estrutura que permite a membros e servidores desenvolverem seus trabalhos com estímulo e satisfação".

A chefe do MP maranhense acrescentou que é necessário ter as ferramentas adequadas para oferecer um bom trabalho não somente no fator quantitativo, mas também no qualitativo. "Por isso, não medimos esforços para construir um local onde a população possa ser bem atendida".

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Mulher é presa suspeita de matar o marido em Colinas



Fonte: O Imparcial Online

Em Colinas, Maria Antônia da Silva Menezes, de 40 anos, foi presa suspeita de assassinar o marido Claudionor Silva do Nascimento, de 30 anos, no bairro Vila Brandão II.

De acordo como delegado da cidade, Armando Pacheco, o crime aconteceu no início da tarde desta terça-feira (15), durante uma discussão entre o casal. Maria Antônia, teria pego uma arma do tipo espingarda e disparado contra o marido, que morreu no local. 

Além da espingarda utilizada no crime, foi encontrado na casa um revolver calibre 32. Os familiares confirmaram que as duas armas pertenciam a Claudionor Silva do Nascimento. 

Durante depoimento, Maria Antônia confessou que matou o marido porque sempre que brigavam, Claudionor a ameaçara de morte. Ela será autuada por homicídio e ficará detida à disposição da justiça.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...