lomadee

sábado, 7 de junho de 2014

Opinião: O revanchismo político e os problemas sociais e estruturais brasileiros

Por João Batista Passos

O Brasil conta com 32 partidos políticos, com mais de 15 milhões de filiados. Na atualidade, as ideologias dos partidos residem apenas nos significados de suas siglas e em alguns pontos do estatuto, que a maioria dos filiados não lê. Com isso, o revanchismo político a que esse texto se propõe a debater não é um revanchismo ideológico, mas, um revanchismo de luta pelo poder ou para se manter nele. Administrativamente, embora de forma precária, e tendo que atender às pressões populares - cada vez mais fortes -, os que estão no poder tem que seguir a social-democracia, tanto é que, o principal partido de direita brasileiro é social democrata até no nome.

Na maioria das cidades, muito mais do que atenção aos serviços públicos, o que se tem, de forma profissionaliza, é o revanchismo político, geralmente com dois grupos ou duas famílias se digladiando pelo poder. Esses grupos/famílias mantêm o povo na velha “política do pão e circo”, dando mais ênfase às festas populares e tradicionais do que ao planejamento estratégico das ações públicas. As obras, não são estruturantes e não mudam de fato a vida da população. Elas servem, na maioria dos casos, para reforçar palanque eleitoral ou para enriquecer empresários ligados ao político ou o próprio político.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...